About Me



About Me 2

header ads


   Compartilhar    Contador-img1  

Senador Canedo cria comitê que deve gerenciar ações no combate as queimadas

A principal meta entre os órgãos, é estabelecer ações concretas e num curto prazo para dar respostas objetivas e práticas, já que o avanço das queimadas tem como período de maior incidência os meses de agosto e setembro.



A Agência Municipal de Meio Ambiente – AMMA, alinhado às demandas mais proeminentes em gestão de meio ambiente e sustentabilidade, promoveu na ultima terça-feira (05), uma reunião com a finalidade de integrar diversos órgãos do poder público e da sociedade civil organizada, para discutir o combate de forma sistêmica às queimadas.


Promotora do Ministério Público Marta Loyola 


Reunindo o Ministério Público – MP, a 14ª Regional de Proteção e Defesa Civil – REDEC do Corpo de Bombeiros, a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil – COMPDEC, a Secretaria de Infraestrutura – SEINFRA, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento – SEMAB, Secretaria de Comunicação, EMATER, Representante do setor da industrial do polo petroquímico e Patrulha Ambiental. A reunião foi presidida por Paulo Roberto dos Santos – Presidente da AMMA de Senador Canedo/GO; Marta Moriya Loyola – Promotora de Justiça e o Capitão Hugo de Oliveira Bazílio – 14º Batalhão do Corpo de Bombeiro.


Com o aumento das queimadas em Senador Canedo, o quadro de crimes ambientais é alarmante, o período de seca potencializado em boa parte decorrente das condições climáticas e características de nosso bioma o Cerrado, mas principalmente tem como elemento deflagrador a ação humana nesse quadro catastrófico. Nesta reunião foi criado um comitê para gerenciar as ações e levantar os recursos necessários ao combate as queimadas.


A AMMA, contará com a 14ª REDEC, para uma oficina de confecção de abafadores ferramenta de combate ao incêndio nos momentos iniciais de sua propagação, possibilitando que uma equipe de brigadistas devidamente treinados contenham o avanço das queimadas, mitigando o risco e impedindo um desastre de grandes proporções.


Para a promotora do Ministério Público Marta Loyola, a criação do comitê melhora a conscientização das pessoas e auxilia no atendimento às denúncias contra queimadas. “Com o comitê, vamos trabalhar com ações assertivas para os moradores da área urbana e rural, levando em consideração a melhoria no atendimento às denúncias nos casos de queimadas.”, destacou.


O órgão deve elaborar ofícios e comunicação aos órgãos responsáveis pela manutenção das rodovias e ferrovias levando principalmente a delimitação de suas faixas de domínios, solicitando as manutenção dos aceiros (corte, remoção e limpeza das faixas centrais e laterais em torno o perímetro das vias).


Tanto na zona rural como urbana, também houve consenso à formação de grupos de brigadistas, que poderão no futuro compor os Núcleos de Proteção e Defesa Civil. Isto é fundamental posto que o avanço do fogo quando no início pode alcançar êxito na sua extinção se controlado.


Texto e fotos por Milenna Medrado


Senador Canedo cria comitê que deve gerenciar ações no combate as queimadas | Jornal Online Nossa Voz

Senador Canedo

Fonte

 

fixImgOG fixImgOG fixImgOG