About Me

header ads


About Me 2

header ads

   Compartilhar    Contador-img1  

Filme goiano “As Duas Irenes” entra no catálogo da Netflix

Realizado com recurso do Fundo de Arte e Cultura de Goiás, drama de Fabio Meira narra a história de uma adolescente que descobre ter uma irmã de mesma idade e nome



O filme goiano “As Duas Irenes”, de Fabio Meira, lançado em 2017 com apoio do primeiro Fundo de Arte e Cultura de Goiás (FAC - 2014), agora pode ser conferido também na Netflix. O drama narra a história da adolescente Irene que, após descobrir que o pai tem uma segunda família e outra filha da mesma idade e nome, se dedica a conhecer a meia-irmã e acaba conhecendo uma Irene completamente diferente dela.


Escrito e dirigido por Fabio Meira com Marco Ricca, Susana Ribeiro, Inês Peixoto e Teuda Bara, com produção da Balacobaco Filmes, o longa estreou no Festival de Berlim e foi ganhador de quatro Kikitos (símbolo e prêmio máximo) no Festival de Gramado, entre eles o de Melhor Filme pela Crítica e Melhor Roteiro.


“As Duas Irenes” recebeu mais de 10 prêmios nacionais e internacionais e entrou em cartaz nos cinemas de todo o Brasil em 2017, quando foi considerado um dos 10 melhores filmes daquele ano. O longa tem 1h e 29 minutos de duração, foi distribuído pela Vitrine Filmes no Brasil e vendido para países como Suécia, Polônia, México, Uruguai e China.


O diretor Fabio Meira afirma que o Fundo de Arte e Cultura de Goiás “foi fundamental para viabilizar As Duas Irenes”. “Sem ele [FAC], o filme não existiria e não teria aberto caminho para diversos outros filmes goianos que, assim como as Irenes, tiveram sua estreia no Festival de Berlim”, ressalta.


Fabio também pontua que o investimento estadual em cultura permite a valorização da produção local, além de ser um retorno econômico para o próprio Estado, por meio da geração de renda, emprego e visibilidade. “O filme estar disponível no catálogo da Netflix é uma oportunidade de alcançar novos públicos e mostrar a nossa cultura e a beleza de nosso Estado a todo o Brasil. Certamente, serve como estímulo para novos atores e cineastas goianos. É sempre uma honra poder representar Goiás através do meu trabalho”, conclui.


Para o secretário de Estado de Cultura, Marcelo Carneiro, ter mais este filme goiano disponibilizado numa das principais plataformas de streaming evidencia a importância de mecanismos de fomento como o FAC. “O Fundo de Arte e Cultura se juntou a outros fatores, como criação de cursos de cinema em Goiás e o próprio Fica [Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental], para trazer essa visibilidade aos nossos cineastas e realizadores”, pontua o titular.

 

Fonte: Secretaria de Estado de Cultura (Secult) - Governo de Goiás


Filme goiano “As Duas Irenes” entra no catálogo da Netflix | Jornal Online Nossa Voz

Senador Canedo

Fonte

 

fixImgOG fixImgOG fixImgOG