About Me

header ads


About Me 2

header ads

   Compartilhar    Contador-img1  

"O 5G será uma revolução para áreas como indústria, agronegócio, portos, educação, medicina e segurança pública”, diz Vanderlan

Senador participou de debates sobre o tema com o ministro das Comunicações Fábio Faria  


Fotos: Lindomar Gomes 


A implantação das redes de telefonia móvel 5G no Brasil foi o principal tema da Audiência Pública realizada nesta terça-feira (23) na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI), do Senado federal, que contou a presença do ministro das Comunicações, Fábio Faria. Para o senador Vanderlan Cardoso (PSD-GO) o debate entre os senadores e o ministro esclareceu vários pontos importantes. 


“A expectativa do ministro Fábio Faria é de que a implantação das redes de telefonia móvel 5G deve conectar 85% das escolas brasileiras até 2028. Atualmente, 7 mil escolas urbanas e em torno de 40 mil rurais não têm internet. Então, será uma grande revolução para o ensino brasileiro”, disse o senador. 


Durante o debate, Vanderlan elogiou o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo presidente Bolsonaro através do Ministério das Comunicações para implantação da nova tecnologia. “Quero parabenizar o Ministro Fabio Faria pelo leilão realizado no último dia 4 de novembro que foi a maior licitação da história das telecomunicações brasileiras. O leilão do 5G consolidou um valor econômico total de R$ 47,2 bilhões e boa parte desses recursos serão destinados para levar ou melhorar significativamente a qualidade de internet em cada ponto do nosso Brasil”, explicou o senador.  


Vanderlan lembrou, ainda, que foi presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia (CCT) e que conseguiu destravar importantes projetos para o setor de comunicação. “Entre tantos outros projetos, destravamos o PLC79 de 2016 que desobrigou os serviços de telefonia fixa serem prestados em regime público, o que viabilizaria a migração de todas as concessionárias para o regime de autorização em vez da antiga modalidade de concessão. Isso destravou os investimentos privados nacionais e internacionais em nossos sistemas de comunicação”, relembrou. 


Combustíveis – Ainda nesta terça-feira, Vanderlan participou de Audiência Pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) que debateu os sucessivos aumentos nos preços dos combustíveis no Brasil. O debate contou com a participação do presidente da Petrobrás, Joaquim Silva e Luna, do Secretário Executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, e do Secretário de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, Rafael Bastos da Silva.



{{ADS001}}

* Ascom


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG